• Alda Neiva

Nude não é bege, nude não é cor, nude é um conceito



Talvez você já seja acostumada a usar a palavra “nude” para designar uma cor específica. Afinal, já estamos acostumadas com isso e infelizmente a indústria ainda usa bastante.


Porém, hoje já sabemos que falar dessa forma é excludente. Tá confusa? Vem que eu te explico, maravilhosa!


O termo “nude” foi incorporado na cultura popular e faz alusão à pele. Então, tem sido usada para um tom de bege claro, associado a peles brancas. Só que nós sabemos que não há apenas esse tipo de tom, portanto, não há como ter apenas um nude universal.


Usar a palavra para se referir a um tom de bege claro reforça a ideia de que esse tom é a “cor da pele”, o que é excludente!


Cada vez mais as marcas têm entendido isso e feito mudanças na sua comunicação e também na forma de criar esse tipo de produto.


Uma coleção e um passo de cada vez, as indústrias de moda e beleza vão se reinventando e apresentando melhorias nesses aspectos. Assim como nós, consultoras de moda precisamos também.


Tem algo da indústria que você acha problemático? Precisamos falar sobre esses assuntos e trazer o máximo de visibilidade!

7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo