• Alda Neiva

Nova editora de moda da Vogue Escandinávia




Oieee, maravilhosas!


No início do mês de junho saiu o anúncio do lançamento da revista Vogue Escandinávia que está previsto para agosto. A notícia me deixou cheia de expectativas, especialmente porque a editora de moda escolhida foi a incrível Rawdah Mohamed.


Rawdah é de origem somali-norueguesa e iniciou a sua carreira como criadora de conteúdo. Hoje carrega um currículo como modelo, fashionista, influenciadora digital e youtuber. Ela se tornou uma voz importante do ativismo pela causa mulçumana, lançando o movimento “Hands Off My Hijab” (Tire Suas Mãos do Meu Hijab), em abril deste ano, como manifestação à proibição do uso de símbolos religiosos, como o hijab, para meninas menores de 18 anos em locais públicos na França.




Ela se posiciona frequentemente sobre assuntos que cercam sua vivência enquanto uma mulher muçulmana. No post em que anuncia que será a nova editora a modelo pontua que a revista tem outras pessoas de cor e minorias em cargos de liderança e a importância de servir de exemplo e representatividade para outras meninas muçulmanas que podem ler ou conhecer a publicação.


Se isso não são motivos o suficiente para acompanhá-la, com certeza os seus looks vão te convencer! A modelo é bastante conhecida por seu streetsyle, principalmente porque ela combina looks com seu Hijab, de maneira inusitada e impactante, com direito a sobreposições e muitas texturas, além de cores e estampas variadas, provando que usar Hijab também é uma escolha de estilo e expressão e desmistificando preconceitos sobre o Islamismo.



Vocês ficaram curiosas? Porque eu fiquei! Saber que existirá uma revista de grande circulação como a Vogue adotando a diversidade como um pilar, com pessoas de diferentes etnias e minorias assumindo cargos de liderança, me dá esperança por mudanças reais e significativas no mundo da moda.



O vestir sempre foi usado como ferramenta de expressão, e trazer representatividade para esse meio é fundamental para o combate aos discursos de ódio que infelizmente ainda são muito comuns.





Posts recentes

Ver tudo