• Alda Neiva

O que seria das marcas de moda sem o advento da fotografia e do design gráfico?

O design, para empresas de moda, tem papel crucial. É ele quem ajuda a transmitir o lifestyle da marca, desde campanhas publicitárias até a embalagem. A transmissão de acordo com o gosto do público não ocorre apenas com o produto, mas também com o design gráfico que o acompanha. Com esse pensamento, também se percebe a importância do uso da imagem fotográfica na construção de um sistema de comunicação, ao entrar em contato com a moda, por meio de revistas especializadas e campanhas publicitárias de uma marca.


A fotografia de moda deve ser entendida como transposição física da própria roupa, ou melhor, daquele evento em que é a roupa vestida. A fotografia é capaz de expor não apenas uma proposta de vestuário, mas também de modo e de catarse, se comunicando com o desejo e a imaginação do sujeito que a observa. Assim, através das fotografias de moda, uma pessoa pode participar indiretamente dos signos reconhecíveis de beleza e prestígio.


Nos dias de hoje é essencial a imagem, pois antes mesmo da pessoa ter interesse na compra ela precisa visualizar o que está sendo oferecido. A fotografia e o design gráfico não são prova que um produto seja bom, mas uma imagem adequada pode passar a sensação de qualidade, de confiança ao público, aumentando as visualizações em uma propaganda, tornando-a melhor e agregando valor, chama atenção do público para a mensagem que acompanha a imagem, que induza o cliente a compra, e melhore a imagem do produto. A fotografia de produto tem a capacidade de estimular, promover memórias e experiências. Ela ativa sensações ou identificações com algum contexto, e com relação a vendas, ela auxilia no ato do consumo.


A identidade visual de uma marca deve comunicar bem para os seus compradores, seja no site institucional, seja em stands de feiras ou no showroom que também lidam com o consumo por impulso do comprador B2B (business to business, que significa comércio entre as empresas). Além da identidade da marca, o apelo das tendências também estar no design gráfico das empresas de moda. Sejam formas, estéticas, tipos de fotografia ou seleção das cores, que devem acompanhar as tendências da estação aplicadas na coleção. Sendo assim, sem o advento da fotografia e do design gráfico não seria possível haver comunicação entre as marcas e seus clientes, não conheceríamos as tendências tão rapidamente, e as marcas não conseguiriam passar confiança para com os seus produtos, nem induziriam nós, consumidores, a desejar os seus produtos.

1 visualização0 comentário